sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Nosso relatório de impacto 2016 está no ar!!!


Olá!

Antes de 2016 partir de vez...queremos deixar por aqui nosso relatório de impacto de 2016, viva!!!

Acompanhe nossos números, resultados, o que fizemos em nossas andanças pelo Brasil, quem passou por nós em 2016!

Vem ver, clica aqui e saiba de tudo, nós não economizamos, hehe! Tá incrível, um show de transformação!

Desejamos um Feliz Natal e um ano novo muito especial e colorido para você!

Vem ser Social Brasilis em 2017, vem!!!!






segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Encerramento Turma 02 Curso de Formação empreendedora de base tecnológica em Fortaleza-CE


  Entre as duas turmas do curso de Fomação Empreendedora de base tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo ofertadas neste segundo semestre, a turma 02 pólo Fortaleza/Cuca Barra foi a mais desafiadora.

 Primeiro, por a metodologia ser nova e pela primeira vez sendo aplicada em uma turma mista formada por jovens provenientes dos três Cucas (Cuca Barra, Cuca Mondumbim, Cuca Jangurussu), mais educadores sociais e líderes comunitários, com faixas etárias variando dos 17 aos 46 anos.



  O segundo desafio foi levar uma plataforma virtual de aprendizagem tão completa como o SOLAR da Universidade Federal do Ceará (UFC Virtual) para uma turma assim mista, em meio a comunidade da Barra do Ceará (Cuca Barra) onde aconteceu todo o curso. Barra do Ceará, é um bairro da zona oeste de Fortaleza às margens do encontro do Rio Ceará com o mar (praia da Barra do Ceará) é composto por comunidades e hoje é considerado um dos bairros mais violentos de Fortaleza, mas que ganha em ações sociais de seus próprios moradores, líderes comunitários, que contribuem com o bairro.

"A turma foi desafiadora, levamos para a comunidade uma modalidade de educação que eles não conheciam e não tinham acesso, percebemos que um processo de inclusão digital começou ali. Pela primeira vez líderes comunitários, jovens e educadores tiverem uma formação como essa e utilizando recursos da Univerdade Federal do Ceará, a plataforma de aprendizagem, que foi liberada exclusivamente para essa turma, vimos processos de aprendizagem e usos da rede acontecerem por quem nunca antes havia tido acesso." 
                                                                                                       (Manú Oliveira - Social Brasilis)

  A turma experimental abriu inscrições no dia 10/09 para preenchimento de 30 vagas, das quais 27 foram preenchidas em um tempo de duas semanas de divulgação exclusivamente através das redes sociais. Dia 30/09 aconteceu o primeiro encontro presencial no Cuca Barra e a culminância se deu através do painel de apresentação de projetos no último dia 03/12/2016.

 No decorrer dos meses de curso, 12 ideias de projetos foram desenvolvidas e 07 projetos apresentaram seus primeiros resultados no painel de apresentação de projetos para uma banca apreciativa composta por representantes da Rede Cuca, Secretaria Estadual da Educação e Social Brasilis, que contribuiram com dicas e sugestões para alavancar ainda mais os resultados dos projetos.

  O curso é um incentivo à produção de projetos e/ou negócios sociais que tenham como base a tecnologia para gerar impacto social, centrando o aprendizado no desenvolvimento do perfil empreendedor do aluno de modo que possa atingir o protagonismo e desenvolver ações e resultados através de sua própria autonomia e aprendizagem.

"Eu não tinha experiência com nada disso, tudo foi novo para mim. Fiquei apreensiva quando soube do uso de uma plataforma virtual, conhecia nenhuma, foi o primeiro contato. Fui me descobrindo, conhecendo aos poucos as ferramentas e vi que consegui aprender através da tecnologia."
                                                                                                      ( Alcione Moreira aluna Turma 02)

"Aos 46 anos eu posso aprender, ainda posso fazer algo. Descobri habilidades que achava que não tinha e pensava que não poderia usar a tecnologia para aprender dessa forma, foi surpreendente para mim."
                                                                                                 ( Lucilene Florencio - aluna turma 02)

"Foi novo aprender através de uma plataforma, é outra coisa que vai além de usar a internet só para redes sociais, posso estar na internet e ainda aprender." 
                                                                                                             ( Sávio Régis - aluno turma 02)

   Assim, concluimos mais uma turma com a formação de novos protagonistas sociais que discutiram, pesquisaram temas, estudaram, produziram produtos e atividades para chegar em um produto final: um projeto pronto para ser implementado. Tudo pensado e desenvolvido pelos próprios alunos, acreditando que o processo de aprendizagem é liderado pelo próprio sujeito, ele que aprende e se torna um protagonista de sua própria história.


 Nossos agradecimentos a nossos parceiros: Fundação Telefônica Vivo, Aliança Empreendedora,Prefeitura Municipal de Fortaleza, Rede Cuca e UFC Virtual.


Eq. Social Brasilis

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Encerramento da turma piloto de Formação empreendedora de base tecnológica no CED/SEDUC - Sobral/CE


   Foram quatro meses de muito aprendizado junto aos nossos alunos da turma piloto do Curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo. O curso iniciou no dia 13 de agosto de 2016 no CED - Centro de Educação à Distância do Ceará em Sobral - cidade da região norte do Estado do Ceará. Porém, todo a preparação iniciou bem antes.

Centro de Educação à Distância do Ceará - CED

  Uma metodologia desenvolvida que se destina a formação inicial do empreendedor social envolto aos avanços tecnológicos, baseada na teoria da aprendizagem coletiva e cibercultura do filósofo francês Pierre Levy e a pedagogia libertadora do educador brasileiro Paulo Freire, fazendo o aprendizado significativo para a vida do educando, fazendo-o produzir, desenvolver suas ideias o portando ao protagonismo, quando o mesmo constrói e desenvolve suas próprias ideias/ações de impacto social, descobre suas habilidades e sonhos em um conceito abordado pelo estudo das metodologias ativas e da andragogia - que colocam os educandos como centro e responsáveis pelo seu aprendizado e saber.

" A metodologia é uma nova jornada empreendedora, cujo centro é o próprio participante, ou seja, é o reforço do protagonismo no individuo no desenvolvimento de habilidades pessoais, aprendizagem significativa nessa nova era da tecnologia, na tentativa da criação de projetos mais sustentáveis e empreendedores mais centrados e dinâmicos."  (Manú Oliveira - Social Brasilis)

  A metodologia iniciou a ser desenvolvida no primeiro semestre de 2016 em uma parceria com o programa Pense Grande da Fundação Telefônica Vivo e Aliança Empreendedora, foi publicada e apresentada no I simpósio Nacional de Empreendedorismo Social da Enactus Brasil em julho/2016 e a realização da turma piloto é uma parceria com o CED/SEDUC - Centro de Educação à Distância do Ceará que abriu edital público em julho/2016 para o preenchimento de 100 vagas. Em duas semanas de divulgação do curso nas redes sociais, tivemos quase 200 inscritos e 100 selecionados, 25 ideias de projetos/negócios sociais surgiram e a culminância dessa realização foi no sábado - 19/11/2016 - onde nossos alunos apresentaram os primeiros resultados de seus projetos.

Apresentação de projetos/Negócios sociais no CED

I Simpósio Nacional de Empreendedorismo Social

I Simpósio Nacional de Empreendedorismo Social



Turma CED em atividades durante as aulas.

   Coletamos alguns depoimentos dos alunos em nossa avaliação do curso, acompanhe:

"A formação foi muito proveitosa pra mim. Enfim, surgiu esse curso,  pois moro no interior e não tinha acesso a esse tipo de formação. Sempre tive vontade de desenvolver minha ideia, que é um sonho e  tive a oportunidade agora. "
                                                     Raimundo Santos, aluno CED Sobral - cidade de Amontada.


"Esse curso é muito diferente de todos que participei. Você interage com os colegas, é tudo dinâmico nos encontros, com muita ação, gera até uma ansiedade de saber como será o próximo encontro."
                                                     Marcos Cleber, aluno CED Sobral


"Sem palavras para descrever tamanha gratidão por me proporcionar o fortalecimento das minhas habilidades, pois como falei não basta ter só o técnico(os conhecimento adquirido em sala de aula), com a enactus e com social brasilis eu posso afirmar que a timidez daquele garoto que sofria bullying, garoto que tinha medo de falar em público, que não tinha confiança em seus sonhos não existe mais. Obrigado social Brasilis por me ajudar a me conhecer e valoriza a minha história."
                                                     Matheus Dias, aluno CED Sobral

   Agradecemos a todos os nossos parceiros que nos permitiram impactar vidas e tornar sonhos reais na região Norte do Estado do Ceará. Em breve a turma da capital cearense irá também ser transformAÇÃO.


Obrigad@!!!!
Eq, Social Brasilis

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Empoderamento feminino: o empreendedorismo social na mudança da vida de mulheres



  Durante toda a nossa história como sociedade, a luta para esconder as mulheres de seus direitos mais simples é sentida. Por tempos, fomos educadas para cuidar da casa, a aprender a cozinhar e faxinar, isso era sinônimo de virtude e valor. Cuidar da casa e dos filhos, sem ter voz e direitos como os homens eram símbolos das mulheres de nobre estirpe.

  Com o passar do tempo, as mulheres foram reconhecendo seus direitos, seus gostos, suas aptidões e iniciaram a luta por seu direito a estudar, trabalhar e viver como sonhavam. Não foi e ainda não é um caminho fácil. Há ainda quem ganhe menos exercendo o mesmo cargo que um homem, há a falta de respeito de nos acharem frágeis para tomar posições duras ou de comando. Há quem ainda pense que as roupas ou o andar sem uma companhia masculina é sinônimo de culpabilidade das próprias mulheres caso algo de ruim ou alguma violência aconteçam. Nos tempos de avanços tecnológicos, o preconceito nunca esteve tão digital, tão rápido e tão global. Defender o empoderamento feminino é mais que fortalecer as mulheres, é incentivar sonhos, realização, a maternidade, a igualdade, os direitos iguais entre os gêneros. Mas é dizer também que elas podem ser o que quiserem, na hora que quiserem, é dar asas aos seus sonhos, é combater a violência doméstica, física e psicológica, é dizer SIM para quem muito já ouviu não.

 Na contribuição da mudança da sociedade todos nós temos parte, aliás, devemos tomar parte. Sonhar com um mundo de mais igualdade, educação, de paz e união deve ser imperativo a todos, mas é mesmo? Será que estamos, como mulheres, reconhecendo nosso valor para a mudança do mundo?

 Mas tem o fato de nos sentirmos pequenas, amedrontadas em meio a esse caos psicológico e violento que o mundo nos impõe. Porém, eu digo...tudo tem um ponto de partida e comece pensando no que você quer mudar na sua vida HOJE. O que faz seu coração vibrar? Qual seu sonho? Pense nessas perguntas e mentalize suas respostas, as escreva em algum lugar visível, não as esqueça e comece a agir.

 Comece na sala de sua casa. Em frente a um computador, busque um curso em seu bairro ou pela internet/web. Inicie uma atividade física, caminhe, dance, cante. Esteja alinhada com seu espiritual e viva. O processo de transformação social começa quando alguém se reconhece, descobri seus sonhos e se coloca à caminho, mesmo que devagar, rumo à realização.

 Na verdade, não será fácil. Haverá momentos de desanimo, de dor e de falta de apoio. Esse último estará sempre presente, pois ainda estamos em uma sociedade que o não apoio vem daqueles que querem crescer e não o fazem e querem tirar de você essa chance, que não ousam mudar, uma inveja social é formada a partir disso, não se deixe enganar, simplesmente, caminhe e não olhe para trás.

 Muitas mulheres já trilharam esse caminho e ainda estão à caminhar, trabalhando pela mudança da sociedade e me considero uma delas. Essas mulheres influenciam a educação, a escola, o esporte e  a música. Elas encontraram seu sonho e o vivem intensamente. Elas são mães, esposas, esportistas, jovens, profissionais, empreendedoras sociais, enfim elas são tudo que querem ser. Compartilho com vocês um pouco sobre cada uma delas e o que as fizeram mudar e transformar vidas:

Empreendendo no Esporte

Daiany França - Fortaleza/CE
Iniciei o Instituto Esporte Mais em 2014, quando comecei a trabalhar com a cooperação alemã/GIZ, no projeto futebol para o desenvolvimento. Eu tinha um contrato de tempo pré-determinado, que se encerraria naquele mesmo ano, mas eu estava tão envolvida e apaixonada pelo projeto, e as suas inúmeras possibilidades, que junto com outros 5 amigos, que também estavam no projeto, fundamos o IEMais, com o objetivo, a princípio, de dar continuidade ao trabalho que havia sido iniciado pela GIZ. Eu acumulava iniciativas empreendedoras desde 2005, mas queria fazer desse novo negócio, o projeto mais bem-sucedido da minha vida! Atualmente atuamos em duas frentes: empoderamento feminino através do esporte e capacitação de educadores, professores e profissionais sobre como ensinar o esporte visando uma formação integral, justa e para toda a vida.
Mas, claro, a caminhada nunca é simples! Em menos de 1 ano, 4 amigos, dos 5 que iniciaram comigo, deixaram o projeto. Todavia, outras pessoas chegaram para somar e multiplicar. Com a nova equipe, realinharmos propósitos, abrimos nosso pequenino escritório (antes era na minha casa) e fomos aproveitando as oportunidades que foram surgindo (Rede Esporte pela Mudança Social-REMS, parceria com a Ação Educativa e com o PRODHE-CEPEUSP, ambos de SP, rápidos intercâmbios na Argentina e Moçambique, etc.), até que hoje conseguimos nos enxergar e compreender nosso papel social com muito mais clareza. Porém, ainda estamos em processo de amadurecimento, uma vez que estamos apenas no segundo ano de vida. Em todas as vezes que pensei em desistir, porque me sentia cansada e/ou sozinha, eu me perguntava qual era o motivo de todo aquele esforço. Algumas dessas vezes compartilhava um pouco dos dissabores com pessoas próximas, até que uma me disse: “você não pode desistir, outras pessoas estão observando você, elas precisam do seu exemplo e da sua força”. E eu passei a acreditar nisso, que as pessoas, de certa forma, precisam da minha energia e da minha capacidade de sonhar e realizar. Nossa sociedade precisa de bons exemplos, em especial nossas mulheres e jovens.

 Conheça a iniciativa: https://www.facebook.com/institutoesportemais/?fref=ts



Empreendendo na Educação

Cinthia Rodriguês - São Paulo/SP
O fato de eu ter me tornado mãe (2012) me fez ser empreendedora. Sempre tive muitas ideias criativas, mas elas não resultavam no duro processo que leva a teoria à prática e foi justamente a busca de flexibilidade para estar com meus filhos e um mundo melhor que me trouxe a força de vontade para levar ideias adiante.

Eu comecei o Quero na Escola porque percebi como jornalista de educação e mãe de alunos da rede pública que as pessoas até participariam da educação pública se tivessem um "papel" a cumprir, mas geralmente o convite à participação nas escolas é genérico demais e aí dá pouco resultado.


Então, eu tinha uma ideia inicial diferente e, no processo de criar personas e soluções, chegamos ao Quero na Escola durante o Social Good Brasil Lab. O Quero na Escola é um canal para o aluno dizer o que mais quer aprender além do currículo escolar e a comunidade saber onde pode participar da educação e na escola em geral.

Conheça a iniciativa: www.queronaescola.com.br/
Facebook: https://www.facebook.com/queronaescolaapp/?fref=ts



Empreendendo na Arte


Beatriz Fiuza - Fortaleza/CE
Bom, posso dizer que empreender é poder viver o que se acredita. É alinhar pensamento e prática. Criar o instituto foi um impulso, então não posso dizer que foi um ato de coragem ou que teve qualquer grandeza. Mas com o passar dos anos, com o crescimento e o aumento da complexidade das nossas ações, com o aprofundamento sobre o que estávamos construindo e sobre o reflexo que o trabalho estava tendo na vida das pessoas, fomos todos crescendo e ficando mais integrados com tudo ao nosso redor. O trabalho foi se misturando com minha própria história, hoje eu já não posso dizer que existe uma linha que separa minha vida pessoal e minha vida profissional, e acredito que manter esta coerência e alinhamento entre tudo o que faço é o que deixa tudo tão real. Tão vivo! E faz cada dia valer mais à pena. Também, realizar um trabalho que envolve crianças e jovens, e que envolve tantas pessoas que acreditam no potencial criativo desta juventude, é uma inspiração diária. Tenho o privilégio de passar meus dias ao lado de colaboradores extremamente implicados com nossa missão, e de me relacionar através de diferentes redes com outros empreendedores e profissionais que levantam a bandeira da justiça social e da sustentabilidade. Acreditamos todos que é possível, um passo após o outro, construir um mundo em que todos possam ter acesso a uma vida plena e rica em possibilidade. As dores são poucas diante das alegrias. E os sorrisos que recebemos dos alunos e das famílias atendidas diariamente, não têm preço. 

Conheça a iniciativa: www.iblf.org.br/ 

Facebook: https://www.facebook.com/InstitutoBeatrizeLauroFiuza/?fref=ts
 O nosso desejo é que você se inspire nessas histórias e decida mudar. Comece AGORA!
Inicie com aquele exercício simples, respondendo as perguntas e guardando suas respostas:
- O que você quer mudar na sua vida hoje?
- O que faz seu coração vibrar? 
- Qual é seu sonho? 

Manú Oliveira
Fundadora Social Brasilis





sábado, 22 de outubro de 2016

Nosso curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica em Fortaleza-CE! - 2° e 3° Encontros!

#Notícias

    O curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica, turma Fortaleza, está avançando em amplos passos.

   A turma já está no quarto módulo da curso, empreendedorismo social, onde a construção de projetos junto a tecnologia toma lugar. É momento de partilhar o projeto, fomentar as primeiras ações e buscar os primeiros resultados. Hora da ação!

Dinâmica de interação

  "Já tinha planos de fazer um curso de empreendedorismo esse ano e quando vi esse curso, fiz a inscrição. Achava que era só teoria, mas tem muita prática e sairei com meu projeto pronto pra implementar," Lucilene Florencio - aluna turma Fortaleza Cuca Barra.


   Neste espírito, os alunos foram à frente e pela primeira vez esporam suas ideias, preparando ações para os primeiros resultados.

Primeiras apresentações de ideias

    Fomentar um espaço para a construção de ideias, sonhos e incentivar a visão crítica dos alunos é o porte e foco do curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo do Social Brasilis. Estamos no caminho certo rumo ao protagonismo e a transformação social.



Eq. Social Brasilis




3° Encontro do Curso de Formação Empreendedora no CED em Sobral-CE - Empreendedorismo Social

#Notícias

    No último sábado, 15/10, ocorreu em Sobral-CE, no CED - Centro de Educação à Distância do Ceará - o terceiro encontro do nosso curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica, módulo 04 Empreendedorismo Social.


    Neste módulo do curso, os alunos são inseridos na construção de projetos, com noções práticas sobre escrita e oratória para apresentação de suas ideias/sonhos ao público.

    Os alunos subiram ao palco e apresentaram pela primeira vez as suas ideias, trabalharam na construção coletiva de cada iniciativa presente com feedbacks e sugestões de todos os presentes e assim foram adaptando, alterando e desconstruindo conceitos e ideias pré-estabelecidas e que foram mudadas para sua melhor versão de cada proposta de projeto em um processo de cocriação.


   Agora, a dinâmica da formação é ir para a rua, ouvir o público-alvo, preparar um plano de ação para  executar as primeiras ações do projeto e mostrar para o mundo no último dia de formação marcada para o dia 19/11 no CED em Sobral com a presença de especialistas em projetos que darão feedbacks e sugestões para cada iniciativa social surgida no curso.

   Nós, do Social Brasilis, estamos muito ansiosos pela data e esperamos os melhores resultados nesta fase de validação e prática dos futuros projetos.


Eq. Social Brasilis

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Nosso programa 100% à distância de Formação Empreendedora de Base Tecnológica está Inscrições abertas!

Alô, alô!!!!

*Você sente dificuldades de colocar suas ideias em prática? 
*Tem vontade de trabalhar com projetos em seu ambiente de trabalho ou quer concretizar seus projetos de vida?
*Quer aproveitar o potencial que a tecnologia tem para maximizar ações e projetos?

Então, nosso curso é para VOCÊ!  Se Liga aí no Curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo.

Uma formação de 40h em empreendedorismo de impacto com metodologia prática e 100% à distância.
Criação prática de projetos sociais.
Aliar tecnologia e empreendedorismo em um mesmo programa.
Metodologia com base real - uso da tecnologia para o empoderamento do indivíduo para potencializar o impacto social positivo.


Objetivo:
O curso tem como objetivo desenvolver habilidades para construção e execução de projetos sociais, educacionais ou empreendedores que possam envolver a tecnologia para gerar um impacto positivo no contexto social, escolar e/ou comunitário dos envolvidos através de metodologias pedagógicas que envolvem o uso da tecnologia, projetos de vida, o empreendedorismo social e estudo de casos de projetos e startups que trazem impacto e ação ao meio social e educacional.


Carga horária: 40h

O curso será 100% à distância e terá uma carga horária de 40 horas/aulas assim distribuídas: 30 horas/aulas de atividades virtuais em um ambiente virtual de aprendizagem com chats, fóruns de discussões, atividades práticas, hangouts, vídeo-aulas e um material didático interativo e mais 10 horas/aulas de atividades práticas de construção de projetos acompanhadas por nossos tutores à distância.

4) Metodologia e dedicação para o curso
O curso possui cinco módulos com orientação para dedicação de 4h semanais de estudos durante dois meses através do ambiente virtual de aprendizagem ClickMob Social Brasilis +  atividades práticas de construção de projetos, configurando-se em 40h de curso 100% à distância. O curso possui tutor virtual, videoaulas, acompanhamento diário por intermédio de fóruns, além de chats, videoconferências e/ou hangouts ao vivo ou com acompanhamento através de gravações que serão disponibilizadas no ambiente virtual de aprendizagem, caso o cursista não esteja disponível no momento marcado para conferência.
 O curso possui materiais didáticos e metodologia próprios que se direcionam para a produção de instrumentais ou produtos para impacto direto na vida do cursista e sua execução em formato de ação ou projeto desenvolvido durante o curso em uma comunidade/escola/universidade ou etc.

Módulos:
01) Introdução a Era Tecnológica:
Uma breve retrospectiva dos avanços da tecnologia nas últimas décadas, conceito e uso das TIC’s e teste sobre equipamentos e softwares usados ou conhecidos pelo cursista.
02) Tecnologia, educação e o mundo do trabalho:
A história da tecnologia e a educação conceituando a educação à distância, seu histórico e como evoluiu com a tecnologia. Cyberespaço e as interações sociais possíveis para despertar a criatividade, o trabalho e a formação de redes.
03) Projetos de Vida/inspiração e habilidades pessoais:
Autoconhecimento, trabalho com histórias de vidas, terapias de grupo, escuta ativa. Planejamento pessoal, metas e plano de vida para execução de sonhos e ações.
04) Empreendedorismo Social:
Introdução ao empreendedorismo social. Primeiro, segundo e terceiro setores. Tipos/modelos de projetos.
Construção e gestão de projetos: da ideia à avaliação final. Análise de resultados, comunicação e marketing digital.
05) Ação
Execução de projetos na prática. Avaliação e condução de equipe e resultados.

Habilidades trabalhadas:
-Planejamento pessoal/metas.
-Desenvolvimento da Escrita.
-Comunicação.
-Criatividade.
-Superação de desafios.
-Trabalho em equipe.
-Apresentação/ falar em público.
-Envolvimento tecnológico.
-Inovação.
-Organização.

Investimento:
Estamos oferecendo para todo o Brasil as primeiras 100 vagas do curso com valor promocional de R$250,00 para a modalidade piloto de nosso primeiro curso 100% à distância de empreendedorismo de base tecnológica.
No ato da inscrição o cursista ainda recebe, de forma gratuita, um e-book sobre os primeiros passos para a construção de um empreendimento social e comunitário.

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

A hashtag #10 DiasdeEmpreendedorismoSocial Bombou!

#10DiasDeEmpreendedorismoSocial



    Nossa equipe embarcou em uma jornada empreendedora nas últimas semanas. No decorrer de dez dias a Manú Oliveira (diretora executiva Social Brasilis) e o Elvis Alves (diretor de comunicação e criatividade Social Brasilis) passaram por diversos eventos de Sobral-CE até Sampa.

   Cruzaram o caminho da nossa equipe várioss empreendedores sociais com ideias e sonhos de transformação social, histórias de vida, novos contatos e muito aprendizado.

   A jornada iniciou partindo de Fortaleza rumo à Sobral - região Norte do Ceará - à 5h de ônibus da capital cearense, onde o 2° encontro do curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica aconteceria. Lá a II Bienal de Arte da região Norte do Estado do Ceará estava acontecendo, com vários artistas locais e obras em exposição.
Turma de formação empreendedora em Sobral-CE

   Do calor de Sobral ao frio Paulistano. São Paulo foi a próxima parada da nossa dupla, que parou na imersão do Programa Pense Grande com mais 14 iniciativas sociais de todo o Brasil que são apoiadas pela Fundação Telefônica Vivo. Momento de partilha e aprendizado.
Formação Pense Grande

   A próxima estação foi o Cicuito RIA2016 - evento anual da Fundação Telefônica Vivo que esse ano trouxe o tema empatia. O RIA é um espaço para Reflexão, Interação e Ação e ocorrei no último dia 21 de setembro no Espaço Catavento em São Paulo sob a coordenação do empreendedor social Edgar Gouveia Jr.

Circuito RIA2016 - Recepção


  Next stop, foi o Encontro de Jovens Transformadores, evento que aconteceu na Faculdade Makezie em São Paulo que reunia a juventude que transforma e impacta com paineis com nomes conceituados do empreendedorismo e negócios de impacto.
Encontro de Jovens Transformadores

 Foi intenso e muito proveitoso para nossa equipe e para finalizar a jornada produzimos um vídeo com nossos melhores momentos.

Melhores momentos e encontros.


Link do video:
#10DiasDeEmpreendedorismoSocial


quinta-feira, 29 de setembro de 2016

2° Encontro do curso de formação empreendedora no CED em Sobral-CE

#Notícias

   O segundo encontro do nosso curso de Formação Empreendedora de Base tecnológica aconteceu no último dia 17 de setembro nas dependências do CED - Centro de Educação à Distância do Ceará, em Sobral - cidade da região Norte do estado do Ceará.

  O tema do encontro foi "Happy Hour" - uma analogia ao encontro entre amigos para conversar e partilhar histórias de maneira divertida, tendo em vista que o módulo trabalhado na aula era Projetos de Vida - história de vida, plano e planejamento pessoal.

Dinâmica de integração - Shazam!

   Durante o encontro várias dinâmicas de contação de histórias foram executadas, além de atividades de integração e debate com a turma após interações.

"As impressões deixadas após o encontro presencial foram as melhores possíveis, pois acredito como filosofia de vida nas interações entre as pessoas,principalmente quanto ao compartilhamento de conhecimentos . Acredito que temos muito a aprender um com o outro" - Eliano aluno turma CED Sobral


  O encontro possibilitou o encontro do universo tecnológico com o mundo real dos indivíduos, quando aplicam no mundo real os conceitos aprendidos no ciberespaço.

  O encontro foi encerrado com uma dança circular de celebração, dinâmica que simboliza a celebração de uma conquista, o festejar no contexto da história medieval. A dança escolhida para o momento foi a dança de celebração de casamentos escocesa - Shetland Wedding Dance.


Momento de contação de histórias!

Shazam!
Eq. Social Brasilis

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Nossa 2° turma de Formação Empreendedora foi lançada na comunidade da Barra do Ceará.

#Notícias

   No último sábado, 24 de setembro, a segunda turma semi-presencial do curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo foi lançada.

     A comunidade da Barra do Ceará, zona oeste da capital cearense, recebeu a turma nas dependência do instituto para juventude o Cuca Barra.

  A turma é composta por jovens, educadores sociais e professores que buscam a formação empreendedora para fomentar projetos em seus contextos sociais, tal como em seu trabalho ou universidade para gerar um impacto social positivo através do uso da tecnologia.

"A aula inaugural do curso foi demais, com muito debate e participação dos presentes, com alto nível de interações e visões sociais", ressaltou Jhonatam Viana, professor-tutor da turma.

 Essa é uma iniciativa piloto de levar a educação empreendedora e uso da tecnologia para gerar impacto em uma comunidade e com o uso da plataforma virtual de aprendizagem SOLAR - da Universidade Federal do Ceará através do Instituto UFC Virtual, é a primeira vez que a plataforma é utilizada para o público-alvo em questão e com essa temática social.

 "A proposta do curso é fomentar a inserção tecnológica como canal de aprendizado e de impacto social, além de trabalhar habilidades provenientes do empreendedorismo social, como a criatividade, autonomia e planejamento para a vida dos participantes" - diz Manú Oliveira diretora executiva do Social Brasilis.

Turma 02 - Cuca Barra

   Que muitas ideias e sonhos de ação sejam geradas e executadas nesta nova turma e que venham às próximas.

Eq. Social Brasilis


Nossa 2° turma de Formação Empreendedora foi lançada na comunidade da Barra do Ceará.

#Notícias

   No último sábado, 24 de setembro, a segunda turma semi-presencial do curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo foi lançada.

     A comunidade da Barra do Ceará, zona oeste da capital cearense, recebeu a turma nas dependência do instituto para juventude o Cuca Barra.

  A turma é composta por jovens, educadores sociais e professores que buscam a formação empreendedora para fomentar projetos em seus contextos sociais, tal como em seu trabalho ou universidade para gerar um impacto social positivo através do uso da tecnologia.

"A aula inaugural do curso foi demais, com muito debate e participação dos presentes, com alto nível de interações e visões sociais", ressaltou Jhonatam Viana, professor-tutor da turma.

 Essa é uma iniciativa piloto de levar a educação empreendedora e uso da tecnologia para gerar impacto em uma comunidade e com o uso da plataforma virtual de aprendizagem SOLAR - da Universidade Federal do Ceará através do Instituto UFC Virtual, é a primeira vez que a plataforma é utilizada para o público-alvo em questão e com essa temática social.

 "A proposta do curso é fomentar a inserção tecnológica como canal de aprendizado e de impacto social, além de trabalhar habilidades provenientes do empreendedorismo social, como a criatividade, autonomia e planejamento para a vida dos participantes" - diz Manú Oliveira diretora executiva do Social Brasilis.

Turma 02 - Cuca Barra

   Que muitas ideias e sonhos de ação sejam geradas e executadas nesta nova turma e que venham às próximas.

Eq. Social Brasilis


quinta-feira, 15 de setembro de 2016

#10DiasDeEmpreendedorismoSocial - Acompanhe nosso diário de bordo!





#Novidades


    Lançamos uma campanha em nossas redes sociais para retratar pelos próximos 10 dias a rotina de eventos, formações e aulas de empreendedorismo social e conversas direto com empreendedores sociais de todo o Brasil.

   Serão 10 dias intensos que nossa equipe de gestão ( o Elvis e a Manú) participando de eventos e ações em ritmo intenso. Essa é uma oportunidade para conhecer pessoas que mudam o mundo pelo Brasil, suas ideias e ações para contribuir com a sociedade.

   Vai rolar entrevistas, altos cliques, vídeos e dicas de empreendedorismo social.  Nesses dez dias iremos está no CED - Centro de Educação à Distância do Ceará em Sobral-CE com turmas de empreendedorismo social e tecnologia, na Imersão Pense Grande da Fundação Telefônica Vivo e Aliança Empreendedora, no RIA2016 evento sobre empatia e empreendedorismo da Fundação Telefônica Vivo e no Jovens Transformadores, os três últimos em Sampa.

Tá animad@ para acompanhar?

Siga a hashtag #10DiasDeEmpreendedorismoSocial no Facebook Social Brasilis e Instagram @socialbrasilis

Instagram da nossa equipe:

No Instagram da Manú Oliveira - @manu_brasilis

No Instagram do Elvis Alves - @oelvyz


Aproveite!
Eq. Social Brasilis

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Nossa 2° turma de Formação Empreendedora de Base Tecnológica abriu inscrições para Fortaleza!!!

Atenção galera de Fortaleza, temos novidades!

Se Liga aí no Curso de Formação Empreendedora de Base Tecnológica: da construção de projetos ao protagonismo.

Será dia 24/09 - No Cuca Barra! Se liga nas instruções abaixo e faça sua inscrição ao término.

Objetivo:
O curso tem como objetivo desenvolver habilidades para construção e execução de projetos sociais, educacionais ou empreendedores que possam envolver a tecnologia para gerar um impacto positivo no contexto social, escolar e/ou comunitário dos envolvidos através de metodologias pedagógicas que envolvem o uso da tecnologia, projetos de vida, o empreendedorismo social e estudo de casos de projetos e startups que trazem impacto e ação ao meio social e educacional.


Carga horária: 40h

O curso é na modalidade semipresencial e terá uma carga horária de 40 horas/aulas assim distribuídas: 20 horas/aulas de atividades virtuais em um ambiente virtual de aprendizagem com chats, fóruns de discussões, atividades práticas, vídeo-aulas e um material didático interativo e mais 20 horas/aulas de atividades práticas de construção de projetos e aulas presenciais nas dependências do Cuca Barra.

4) Metodologia e dedicação para o curso:
O curso possui cinco módulos com orientação para dedicação de 4h semanais de estudos durante dois meses através do ambiente virtual de aprendizagem SOLAR - da Universidade Federal do Ceará. 
 O curso possui materiais didáticos e metodologia próprios que se direcionam para a produção de instrumentais ou produtos para impacto direto na vida do cursista e sua execução em formato de ação ou projeto desenvolvido durante o curso em uma comunidade/escola/universidade ou etc.

Módulos:

01) Introdução a Era Tecnológica:
Uma breve retrospectiva dos avanços da tecnologia nas últimas décadas, conceito e uso das TIC’s e teste sobre equipamentos e softwares usados ou conhecidos pelo cursista.
02) Tecnologia, educação e o mundo do trabalho:
A história da tecnologia e a educação conceituando a educação à distância, seu histórico e como evoluiu com a tecnologia. Cyberespaço e as interações sociais possíveis para despertar a criatividade, o trabalho e a formação de redes.
03) Projetos de Vida/inspiração e habilidades pessoais:
Autoconhecimento, trabalho com histórias de vidas, terapias de grupo, escuta ativa. Planejamento pessoal, metas e plano de vida para execução de sonhos e ações.
04) Empreendedorismo Social:
Introdução ao empreendedorismo social. Primeiro, segundo e terceiro setores. Tipos/modelos de projetos.
Construção e gestão de projetos: da ideia à avaliação final. Análise de resultados, comunicação e marketing digital.
05) Ação
Execução de projetos na prática. Avaliação e condução de equipe e resultados.

Habilidades trabalhadas:

-Planejamento pessoal/metas.
-Desenvolvimento da Escrita.
-Comunicação.
-Criatividade.
-Superação de desafios.
-Trabalho em equipe.
-Apresentação/ falar em público.
-Envolvimento tecnológico.
-Inovação.
-Organização.

Inscrições:

Prioridade para jovens participantes da Rede Cuca, jovens com projetos sociais, educadores sociais, líderes comunitários.
Curso Gratuito - certificável.
Período de inscrições: 05 à 19/09
Início das aulas: 24/09 - de 08h às 12h (encontros quinzenais aos sábados)
Ficha de inscrições: http://goo.gl/bGDkJN






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...